19 April 2017

DICAS DE ORATÓRIA PRA VOCÊ FALAR BEM-Ana Veet Maya

Dicas da Prof. Ana Veet Maya PRA VOCÊ FALAR BEM:

- A eficiência da comunicação está na NATURALIDADE

- Antes de começar a falar, ENRAIZE, firme a planta dos pés no chão,relaxe os seus ombros, endireite e alongue sua coluna,: mente quieta, espinha ereta e o coração tranqüilo.

Tenha FOCO. E para desenvolver o foco, MEDITE. A meditação começa com a respiração. Pratique.

- DESCUBRA no seu dia-a-dia uma atividade que o relaxe. Raiva, revoltas, sentimentos dissonantes contidos não promovem boa comunicação;

- Durma bem! Beba água! Alimente-se bem! Sentindo-se bem, SORRIA! SORRIA com o rosto, com o corpo e com a alma!  

QUEM SOU EU? Só fazendo essa viagem ao eu-profundo sem medo e com consciência, vamos descobrir nossas qualidades, limites, qual é nossa MARCA e promovê-la com sucesso (o nosso marketing pessoal)

- RESPIRE CONSCIENTE!!!! Quando respiramos com consciência, estimulamos nosso corpo, todas as células. Com a respiração, conseguimos alterar nosso humor, nosso pensamento, criar coragem. A respiração profunda e consciente leva mais oxigênio para todo corpo. Oxigena a mente e faz com que as idéias brotem COM FLUIDEZ!

DESAPEGUE-SE! Deixe o ONTEM PASSAR. Não se aflija pelo amanhã. Viva o AGORA.

Vida é ritmo. Saiba ter jogo de cintura e deixar seu corpo e sua mente fluírem em todos os ritmos. TODOS OS RITMOS ! Cada sentimento promove um ritmo. Aproveite cada momento e cada dança que a vida lhe proporcionar... Aprenda!

PARE DE JULGAR O TEMPO TODO! Lembre-se que a mente, mente. Procure conectar-se mais com seu coração. Aprenda a compartilhar.

Não se sinta mais que ninguém. Não se sinta menos. Seja equilibrado, suave, natural. Olhe para o outro de igual para igual.

Conheça suas couraças. Do que estamos nos protegendo tanto? Vamos mergulhar no eu, conhecer nossos medos e nos jogar nas oportunidades e praticar. A comunicação é exercício, PRÁTICA. Se não conseguirmos eliminar nossos medos, a consciência de que existem nos traz a coragem para enfrentá-los!

Não AFIRME seus limites. Eu sou fraco, eu sou burro, eu sou limitado, eu nunca farei isso ou aquilo. Lembre-se que tudo podemos quando queremos e SE QUISERMOS DE VERDADE. O que você quer? Descubra e pratique com perseverança.

Não tema o julgamento do outro. Não sinta medo de encarar sua platéia. Conheça muito bem o assunto e fale com naturalidade e segurança, observando os sinais. Quando a platéia demonstrar impaciência (através dos gestos que você já conhece) é hora para um relaxamento, uma respiração, um cafezinho...

AME O QUE JÁ TEM. Valorize sua caminhada! Goste-se assim mesmo, do jeitinho que já é. Respeite suas vivências. Você não chegou onde está por nada. Foi você que abriu suas portas. Conscientize-se disso e respeite e ame o ponto onde já está.

MODULE A SUA VOZ. Não fale sempre no mesmo tom. Isso se torna monótono e cansativo.

Não fale correndo. Respire entre uma frase e outra. Olhe para a platéia. E continue o assunto. Sempre com ritmo. Pontue!

NÃO SEJA PROLIXO! Treine. Aprenda a ser objetivo, falar com lógica, começo, meio e fim.

- Evite as GORDURAS DA FALA! Lipoaspiração nelas! Fora com os né,tipo assim,ã, hum,aaaa, eeeee, etc

APRENDA A OUVIR. Ouvir com atenção e com o coração. Quem não ouve, não fala bem.

- Saiba lidar com o IMPROVISO. Confie no seu taco, no seu CONHECIMENTO e cultura.

Não fale MENTIRAS. Falar a verdade faz a comunicação transparente e muito mais fácil e eficiente!

- A qualidade de ser cidadão do mundo é lidar bem e cada vez melhor com a DIVERSIDADE. Aceite, conviva, respeite as diferenças!

ARTICULE! Mexa toda a boca, mexa a arcada dentária. DESPRENDA SEU MAXILAR. Quanto mais você articular, mais será COMPREENDIDO.

CONHEÇA SEUS TRUNFOS e use-os a seu favor para vender melhor o seu peixe. Use caras e bocas. Você não pode falar algo triste, sorrindo... Nem falar sorrindo, algo que te fez sentir raiva. Não tenha medo de expressar sentimentos.

NÃO SE SINTA INFERIOR e nem PERTURBADO ao entrar em contato com seus limites. Se considerar algo como um limite, analise se DE FATO quer superá-lo. Somos todos únicos e plenos em nossa diversidade. Não precisamos todos falar bem. Não precisamos todos dirigir bem. Não precisamos todos ser cantores. Nem professores. Nem comunicadores. O mundo precisa de todos nós. Assim como nós já somos. ÚNICOS. Precisamos sim é ser felizes e plenos com o que somos. Se você escolher quebrar um limite, faça-o gradativamente, no seu ritmo e investindo sempre na consciência e na prática. E não se encabule em pedir ajuda!

O BOM TRABALHADOR não leva seus problemas pessoais para o trabalho. Ele consegue FOCAR e estar totalmente presente em cada situação, sem misturar. Lembre-se que uma laranja podre estraga todo o tacho!

Se quiser ser LÍDER, lembre-se que quem lidera deve ser sensível ao grupo assim como é sensível a si mesmo. O líder não fala eu, fala nós.

- O CORPO FALA!  Cuidado com seus gestos. Seja equilibrado. E olhe sempre nos olhos, portais da nossa alma. Quem não deve, não teme e não tem medo de se expor.


No comments:

Post a Comment