19 October 2012

ACREDITE

por Ana Veet Maya


Descobrir no meio do barulho da multidão o seu silêncio, a sua paz interior.

Não se sentir derrotado nas batalhas do cotidiano; saber que na vida há sempre ritmo, planaltos e planícies, tempo de acelerar e tempo de seguir slow-motion, devagar quase parando e até mesmo parar: isso faz parte!

Saber que sorriso e lágrima podem se alternar e que não há sentimento bom ou ruim. Bom mesmo é poder sempre “sentir”...

Valorizar o ar fresco no rosto, que suaviza o calor das chamas dos debates e das competições do sistema...

Não se prender ao passado, não se prender ao presente e não temer o futuro.

Saber que tudo está sempre certo, não importa o quanto errado a ilusão da sua mente projete e queira fazer você acreditar...

Você chegou onde está por suas escolhas... Não há erros. Há caminhos diferentes, mais espinhosos, menos retos, mais íngremes, mais cheios de participação e solidariedade, ou mais silenciosos e solitários. Mas são caminhos que você escolheu! Valorize e aceite! Haja calma em seu coração.

Não se culpe. Não culpe o outro. Perdoe.

Não se orgulhe da conquista e não se sinta inferior pela perda. Aceite o movimento da maré: a onda traz, a onda leva... Nada dura para sempre.

Sempre é mesmo uma palavra muito forte... Permita-se celebrar intensamente o agora. Permita-se ser pouco. Permita-se oscilar. Permita-se ser nada. Saiba que você já é tudo o que aceitou ser. 

Nossos pensamentos plasmam nosso mundo a sua semelhança. Pense e seja positivo! Respire!

Não se sinta mais que ninguém. Nem menos. Recuse comparações. Valorize a beleza que há em cada ser vivente. Respeite!

Não se apegue as tristezas. Não se apegue as alegrias... Acredite: seja o que for que estiver passando agora, isso também passará.

Olhe no olho. Converse de coração para coração.

Que sua boca profira palavras abençoadas que enobreçam e estimulem o crescimento.

Que seu corpo se arrepie em contato com o belo.

Que você reconheça o belo!

Ouça boa música. Fale suavemente. Se vista com cores alegres. Perfume seu corpo e sua mente com sentimentos suaves, otimistas e nobres.

Seja bom. Não pague na mesma moeda. Não se identifique com a injustiça. Aprenda com as diferenças e não desanime.

Não busque amizade. Seja amor.

Tenha fé. Acredite em si mesmo e estenda sua crença ao outro.

E quando naquela esquina tortuosa e escura do momento, se sentir sozinho, com medo e angustiado, olhe para o alto e espalhe-se no azul do céu. O céu sempre foi e será o teto de todos os aflitos que buscam consolação. E a Terra, nossa mãe a energizar e alimentar os corpos cansados.

Acredite!



3 comments:

  1. bom muito bom ffc bj

    ReplyDelete
  2. lindo lindo lindo FFC

    ReplyDelete